Action Hiken, volume 15

Avaliado como 4.00 de 5, com baseado em 1 avaliação de cliente
(1 avaliação de cliente)

R$15,00

Frete Grátis! 

 

132 páginas

Preto e Branco

Miolo: Papel Offset 90g

Capa: Papel Cartão Plastificado

Brochura, costurado e colado

Descrição

Antologia de mangás nacionais publicada originalmente online. Novas edições todo mês!

Mês
Janeiro/2017

Capa
Especial de 1 Ano de Age of Guardian [Ingrid Oliveira]

Séries
1 – Age of Guardian #11 – Ingrid Oliveira
2 – Máscaras da Humanidade #02 – Gabriel e Allan
3 – Hooligan #04 – Jayson Santos
4 – Two-Sided #10 – Jazi Almeida
5 – Parrotman #11 – Pablo Dias
6 – Talento FC #05 – Lucas Gesse

1 avaliação para Action Hiken, volume 15

  1. Avaliação 4 de 5

    Caliel Alves

    Revista Action Hiken ed. #15 – TOC do mês de janeiro 2017

    Não é só um ano novo, é uma nova história

    Capa [Age of Guardian]
    Age of Guardian – Cap.11 – Ingrid Oliveira
    Mascarás da Humanidade – Cap.02 – arte Gabriel Silva, roteiro Allan D. Fox
    Hooligan – Cap.04 – Jayson Santos
    Two Sided – Cap.10 – Jazi Almeida
    Talento FC – Cap.05 – por Lucas Gesse

    Um ótimo capítulo de AOG. A autora merece os parabéns pela obra, ela é talentosíssima mesmo! Já escolhi meu personagem preferido: Klaus Hinowashi, sem dúvida. A Hana limpou o chão com a Lucy, foi ridículo para a guardiã apanhar assim da Ookami. Um novo personagem surge nessa obra, mas quem seria o tal White Hunter? Nunca perca um capítulo de AOG e sempre compre os encadernados, esse é mangá de cabeceira.
    Ótimos desenhos, porém o roteirista deu aquela velha escorregada, desafio o leitor a saber o que ocorre nesse capítulo sem ter um nó na orelha! Nesse tipo de história, terror de modo geral, a última coisa que o autor deve ter é pressa. Desenvolvimento exige muitas páginas, mais desenho e pouco diálogo. Vamos acompanhar o desenrolar da história. Ainda não dá para saber se o terror tem fonte psicológica ou sobrenatural, tudo muito confuso.
    Em Hooligan a Sasha deixa seus companheiros na surdina e vai de e encontro as Little Ladies. O autor mostra o fatídico passado do trio de personagens e de como eles se unem para sobreviver. O Rest age como se fosse o pai de todos. Ele é o intelectual do grupo, o Riot é o piadista e a Sasha é o braço de força. É muito triste ver a anarcossociedade brasileira de um futuro não tão distante.
    Two Sided traz páginas coloridas de arrasar. Não sei porque mais o flashback contando a história do Atsushi me deixou com uma pulga atrás da orelha, ou como se diz em minha terra, seu roteiro foi muito comprido. O Yui é atrapalhado quero só ver como ele vai se dar com o Nobu e seu novo amigo numa missão que pode levar até a morte do Jimmy. Boa motivação, mas o fator pra conseguir a cura é estranho.
    TFC traz uma capa homenageando Naruto, merecidamente. Naruto é uma franquia que deixou o seu legado e Boruto segue na esteira do sucesso. Ninjas a parte, o apostador de tapa-olho se revela a Lino e Takezo, uma dupla que não combina como personagens, mas que no futebol dá sucesso. O triunvirato futebolístico parecer ser a única alternativa viável pra acabar com a máfia do Leão do Morro, nenhuma novidade até aqui. Eles criam um plano que será posto em prática na próxima edição.

Adicionar uma avaliação

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *